O futuro da construção é agora! Não podemos continuar a construir como no século passado!

"(...) Madeira é o único dos principais materiais da construção que é feito pelo sol e é completamente renovável." Perkins+Will

A Eco||Sistema

 apresenta-se dedicada à construção sustentável e ecológica.

Estamos qualificados para o restauro, reabilitação, reconstrução do edificado.

A equipa Eco||Sistema utiliza nas suas construções sistemas e produtos high-tech em madeira - engineered wood produtos. Estamos convictos que o nosso sistema de construção, é já o motor da evolução da construção e da arquitetura contemporânea, sendo o único sistema, paradigmática da sustentabilidade.

Acreditamos na importância do conhecimento do precedente na hora de intervir no presente. Promovemos investigações às técnicas de construção Vernáculas, pois são legados ancestrais e culturais com características únicas, que fizeram com que a maioria dos edifícios tenham sido preservados centenas de anos. A arquitetura vernácula é o verdadeira reduto de racionalidade é base dos princípios hoje válidos para a Arquitetura Bioclimática, a Construção Sustentável, a Arquitetura Solar Passiva, a Eco-Arquitetura, a Arquitetura Ecológica, entre outras. O conceito é transposto de épocas em que não existiam sistemas de climatização e iluminação e, por isso, as construções tinham que ser eficientes e adequadas à região e ao terreno onde eram implantadas: exposição solar, ventos dominantes, morfologia...

Com base nestas premissas e os benefícios inerentes do controle de qualidade e de gestão da produção em fábrica, temos edifícios mais eficientes: na sua durabilidade; na sua eficiência térmica; no seu acondicionamento acústico; na qualidade do ambiental e não menos importante na economia de recursos.

É com este conceito que estamos no mercado e é no que acreditamos. Seria impossível à Eco||Sistema apresentar-se com casas modelo ou modelares:

Hermann Hees utiliza esta linda imagem para definir a complexidade de cada ser humano: "Imagine-se um jardim com centenas de variedades de árvores, milhares de variedades de flores, centenas de variedades de frutos, centenas variedades de ervas. Se o jardineiro deste jardim não conhecer nenhuma outra classificação botânica para além da distinção entre «comestíveis» e «ruim», não saberá o que fazer com (...) o seu jardim, arrancará as mais encantadoras flores, cortará as mais nobres árvores” (Hesse, 2016. pp.79). 

 

Nesta verdade, para cada complexidade: o ser humano; o local; o clima; a morfologia... só pode existir uma solução arquitetónica única e singular.

 

Referências Bibliográficas

Cenicacelaya, J. & Baganha, J. (2004). Arquitectura Tradicional e Sustentabilidade. Recuperado de http://www.jbaganha.com/pdf/pt/0201.pdf.

Hesse, H. (2016). O Lobo das estepes. Alfragide: Dom Quixote

Linz, B (2009). Wood. Potsdam: Tandem Verlag GmbH.

Santos, J. A. (2010). A importância da madeira na construção sustentável. In: Seminário Materiais de Construção e Sustentabilidade, Coimbra.

 

 

Sistemas construtivo Pormenores Materiais Acabamentos Portefólio  Projetos em curso

https://www.facebook.com/EcoIISistemaConstrucaoSustentavel

Contacto Assinatura

 

 

Imprensa

1. Fev, 2015

Eco||Sistema nos Mídia

http://portocanal.sapo.pt/noticia/30987
http://www.antena-minho.pt/noticias.php?n=71827
http://www.diarioimobiliario.pt/actualidade/gaiola-pombalina-esta-de-volta/
http://sol.pt/noticia/110117?source=social
http://www.cmjornal.xl.pt/cm_ao_minuto/detalhe/tecnica-da-gaiola-pombalina-resgatada-no-minho-para-criar-casas-ecologicas.html
http://www.decoracaoeinteriores.com/regresso-da-gaiola-pombalina

Correio Do Minho